Experiência e representação: por uma fenomenologia das imagens em Noite e neblina (1955), de Alain Resnais

Felipe Kaizer & Priscyla Gomes


2020. Gomes, Priscyla & Kaizer, Felipe. "Experiência e representação: por uma fenomenologia das imagens, em Noite e Neblina (1995) de Alain Resnais". Revista ARA, v. 8, n. 8, pp. 141-165. ISSN: 2525-8354.

DOI [revistas.usp.br]. PDF-file [academia.edu].


Resumo

O presente artigo parte do filme Nuit et broulliard (1955), produzido pelo cineasta francês Alain Resnais, para discutir a potência das imagens e os limites da representação de fatos históricos tidos como crimes à humanidade. Propõe-se uma leitura da abordagem de Resnais, considerando os princípios da fenomenologia e a crise da experiência no mundo moderno e suas implicações na contemporaneidade.

Palavras-chave

Cinema. Imagem. Fenomenologia. Experiência. Política.


Resumen

El presente artículo parte del film Nuit et broulliard (1955), producido por el cineasta francés Alain Resnais, para discutir la potencia de las imágenes y los límites de la representación de hechos históricos considerados crímenes contra la humanidad. Se propone una lectura sobre el enfoque de Resnais, considerando los principios de la fenomenología y la crisis de la experiencia en el mundo moderno y sus implicaciones en la contemporaneidad.

Palabras-clave

Cine. Imagen. Fenomenología. Experiencia. Política.


Abstract

The present article is in reference to the movie Nuit et broulliard (1955), a production by the french filmmaker Alain Resnais, to discuss the power of images and the boundaries of representing historical facts acknowledged as crimes against humanity. A reading of Resnais' approach is proposed, considering the principles of phenomenology and the crisis of experiences in the modern world, as well as its implications in contemporaneity.

Keywords

Cinema. Image. Phenomenology. Experience. Politics.